BRANCOS

Ordenar por:  
João Pires Branco 2016
João Pires Branco 2017
País de Origem: Portugal

Região: Península de Setúbal

Tipo de vinho: Branco

Produtor: José Maria da Fonseca

Castas: 100% Moscatel

Notas de Prova: João Pires, um vinho superior, produzido exclusivamente com a casta Moscatel. Distingue-se pelo seu perfume único, marcado por notas florais intensas, e pelo seu paladar fresco e equilibrado.

Gastronomia: A elegância deste vinho é ideal para acompanhar pratos leves, ou servido como aperitivo.

Teor Alcoólico: 12%

3.89€  IVA incluído
Crasto Branco 2016
Crasto Branco 2017
Denominação de Origem: Douro

Sistematização: Patamares; Vinha ao alto

Solo: Granítico

Idade das Vinhas: Mais de 20 anos

Castas: Gouveio | Viosinho | Rabigato

Enólogo: Manuel Lobo

Vinificação

As uvas, provenientes de talhões previamente seleccionados, foram transportadas em caixas de plástico alimentar de 22 kg e sujeitas a uma rigorosa triagem à entrada da adega. Foram posteriormente desengaçadas e prensadas. O mosto prensado foi transferido para cubas de inox onde se manteve a uma temperatura de 8ºC durante 48 horas até à sua decantação. Seguidamente decorreu a fermentação alcoólica em cuba de inox com temperaturas controladas de 14º C durante um período de 30 dias.

Estágio: Em cubas de aço inox.

Notas de Prova

Cor: Citrino.

Aroma: Excelente intensidade aromática, onde se destacam frescas notas de lima e, toranja, muito bem envolvidas em elegantes aromas de flor de laranjeira, e vibrante mineralidade.

Paladar: Início cativante, evoluindo para um vinho com excelente volume, acidez e estrutura, tudo em perfeito equilíbrio com notas de grande frescura e mineralidade. Um vinho sedutor que termina vibrante, fresco e persistente.

Teor Alcoólico: 13%

8.99€  IVA incluído
Montes Ermos Reserva Branco 2016
Montes Ermos Reserva Branco 2017
Perfil

Vinho de carácter cítrico e mineral com estágio em madeira ideal para acompanhar a nossa gastronomia.

Origem

Das vinhas mais altas de Freixo de Espada à Cinta, a uma altitude média de 600 m, seleccionamos as uvas das castas Côdega de Larinho, Rabigato e Viosinho em vinhas velhas que deram origem a este vinho revelador do “terroir” Freixenista.

Vinificação & Estágio

Contacto pelicular, defecação pelo frio, fermentação a temperatura controlada, terminando em barricas novas de carvalho com "batonnage".

Notas de Prova

Cor: Brilhante, de cor citrina esverdeada profunda.

Aroma: No nariz sobressaem as notas de frutas exóticas e de madeira perfeitamente casadas com notas cítricas de laranja e nobre carácter mineral.

Paladar: Na boca apresenta-se com uma entrada doce e suave e uma acidez fresca. Mostra estrutura, um aroma de boca elegante com uma longa persistência e grande harmonia.

Gastronomia: Deve servir-se fresco, acompanhando peixes gordos, bacalhau, mariscos, carnes brancas e queijos.

Teor Alcoólico: 14%

4.30€  IVA incluído
Monte da Peceguina Branco 2017 (H.M.N.)
Monte da Peceguina Branco 2017 (H.M.N.)
Descrição

Nas vinhas da Herdade da Malhadinha Nova, propriedade familiar situada em Albernôa, no sul da planície Alentejana, foram colhidos à mão as uvas das castas Antão Vaz, Verdelho e Arinto, que deram vida a este vinho. Em 1998, ano de ínicio deste projeto, nasceu a Francisca, primeiro elemento da nova geração da família. Foi ela quem plantou a primeira cepa dos 35 hectares de vinha da propriedade.O seu desenho, estranhamente ajustado à realidade da Sociedade e do Mundo, revela agora maturidade, irreverência e inconformismo... justamente como os nossos vinhos! Esperamos que apreciem esta evolução e que continuem a desfrutar dos bons vinhos alentejanos.

Região: Alentejo/Albernôa

Classificação: Vinho Regional Alentejano

Castas: Antão Vaz | Verdelho | Roupeiro | Arinto

Enólogo: Nuno Gonzalez

Notas de Prova

Aroma: Boa intensidade aromática, fruta de polpa branca, ligeiro floral e mineral.

Paladar: Fresco e elegante na boca, untuoso mas equilibrado pela acidez. Final de boca fresco e prolongado.

Teor Alcoólico: 13%

10.15€  IVA incluído
Emecê Colheita branco 2016
Emecê Manuel Correia Colheita branco 2017
Castas: Malvasia Fina, Viosinho, Gouveio, Cercial e Moscatel Galego Branco

Vinificação: Desengace total seguido de uma ligeira prensagem. A fermentação ocorreu em cubas inox com controlo de temperatura.

Estágio: 6 Meses em cubas inox.

Notas de Prova

Cor: Citrina.

Aroma: Com aromas citrinos e tropicais.

Paladar: Volumoso e com uma intensidade que revela sabores frescos e intensos.

Gastronomia & Serviço

Sugerimos que este vinho seja servido a uma temperatura de 8 -10⁰C., acompanhado de pratos de peixe, carnes brancas e saladas.

Teor Alcoólico: 13%

4.63€  IVA incluído
Manuel Correia Reserva Branco 2016
Manuel Correia Reserva Branco 2017
Castas: Malvasia Fina, Viosinho, Gouveio, Cercial, Rabigato e lote de Vinhas Velhas.

Vinificação: Desengace total seguido de uma ligeira prensagem. A fermentação ocorreu em cubas inox com controlo de temperatura.

Estágio: 6 Meses em madeira nova de carvalho francês.

Notas de Prova

Cor: Citrina.

Aroma: Com aromas citrinos, tropicais, nuances de especiarias e baunilha.

Paladar: Na boca é volumoso, fresco e intenso.

Gastronomia & Serviço

Sugerimos que este vinho seja servido a uma temperatura de 8 -10⁰C., acompanhado de pratos de peixe, carnes brancas e saladas.

Teor Alcoólico: 13,5%

8.99€  IVA incluído
Cabriz Colheita Selecionada Branco 2015
Cabriz Colheita Selecionada Branco 2016
País: Portugal

Região: Dão

Denominação de Origem: DOC Dão

Tipo: Branco

Castas: 50% Encruzado | 30% Bical | 10% Malvasia-Fina | 10% Cerceal-Branco

Enólogo: Osvaldo Amado

Vinificação: Desengace total, prensagem pneumática suave, clarificação estática natural e fermentação alcoólica a 15°C.

Estágio: Estágio mínimo de 2 meses em garrafa.

Notas de prova

Aspecto: Cristalino

Cor: Citrina definida com ligeiros tons esverdeados.

Aroma: Distinta intensidade aromática, sendo predominante em frutos tropicais, frutos exóticos, flor de citrinos e tília.

Paladar: Frutado, fresco, notório volume de boca, elegante e harmonioso.

Gastronomia & Serviço

É ideal para acompanhar iguarias à base de peixes e carnes brancas da cozinha Mediterrânica, Chinesa, Indiana, Africana ou como aperitivo/lazer. Consumir a 8ºC.

Conservação: 12 a 24 meses.

Teor alcoólico: 12,5%

3.38€  IVA incluído
Dez Tostões Branco 2015
Dez Tostões Branco 2017
Tipo de Solo: Argilo-calcários

Clima: Mediterrâneo, dias quentes e noites frias.

Viticultor: Philip Mollet

Enólogo: António Maçanita Castas: Antão Vaz (100%)

Vinificação

Vindima manual em caixas de 20Kg. Prensagem directa sem esmagamento, com defecação natural. A fermentação alcoólica ocorreu a 12oC, 100% em cuba de inox. Estágio de 6 meses em carvalho francês e americano.

Notas de Prova

Cor: amarelo palha.

Nariz: intenso fresco, notas florais com citrinos.

Paladar: Ataque em frescura, com textura, rico de aromas e boa persistência.

Temperatura de Serviço: Conservar a 8ºC para ser bebido a 10ºC.

Teor Alcoólico: 13,5%

9.10€  IVA incluído
Por página      1 - 8 de 27